A Croácia é conhecida pela sua costa banhada pelo mar Adriático com mais de 1200 ilhas, mas é muito mais do que um destino de verão. Quem gosta de desfrutar da natureza, fazer ecoturismo, praticar esportes ou relaxar em termas, a Croácia é também um destino a não perder nos meses de inverno. 

 

Montanhismo e trilhas: onde ir na Croácia

Atravessada de norte a sul pelos Alpes Dináricos, a Croácia tem uma cordilheira montanhosa que se estende por 645 quilômetros ao longo da costa e que constitui a área mais acidentada e montanhosa da Europa, após os Alpes.

A poucos quilômetros da costa estão situadas montanhas propícias para a prática de ecoturismo.  Esta faceta do destino é ideal para quem gosta de praticar atividades de montanhismo, como escalada ou apenas fazer trilhas. Velebit

O local preferido dos visitantes que buscam ecoturismo no país fica em Velebit, a maior cordilheira da Croácia, tombada Reserva Mundial da Biosfera pela UNESCO. Velebit estende-se ao longo de 145 quilômetros paralelos à costa e abarca dois parques nacionais: o Parque Nacional de Velebit Setentrional e o Parque Nacional de Paklenica. 

Outras opções para a prática de ecoturismo são as montanhas nos arredores das cidades de Zagreb, Ogulin, Pazin, Split ,Omis e as ilhas, Mljet, Brac e Vis.

As trilhas das montanhas croatas são muito procuradas devido à sua geologia única e às paisagens deslumbrantes.

A joia do país é o Parque Nacional de Plitvice, localizado na região central de Lika, perto da fronteira com a Bósnia e Herzegovina. É o lugar mais visitado de toda a Croácia, um ponto turístico de referência para quem gosta de fazer longas caminhadas. No interior do parque existem oito rotas que atravessam 16 lagos, unidos por diversas cataratas e cascatas.

Passear no parque através de trilhas e pontes suspensas de madeira é uma experiência única que se complementa com as travessias nos barcos nos maiores lagos. Declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, o Parque Nacional de Plitvice é um local de visita obrigatória em qualquer altura do ano, mas no inverno, quando está coberto de neve, o cenário é deslumbrante.

Já para os montanhistas mais experientes, existem cerca de 400 excursões organizadas nas montanhas mais difíceis de escalar da Europa, como é o caso de Paklenica, Velebit, Ucka, Dinara, Mosor e Biokovo.


Na costa da Dalmácia (região banhada pelo mar Adriático, aquele que fica entre a Croácia e o leste da Itália) está situado o pico Dinara, o mais alto do país, a 1.831 metros, com vista sobre vales e o mar Adriático. O segundo maior é o Sveti Jure (1.762 metros) situado no Parque Natural de Biokovo, entre os vales que circundam os rios Cetina e Neretva.



zagreb

Mais lidas:
O que é o Tratado Schengen e o que isso significa para turistas brasileiros? 
Turismo na Noruega: 5 atrações naturais de cair o queixo 
Onde passar as férias no inverno


Inverno na Croácia: onde ver neve, relaxar em águas termais e fazer ski

O inverno na Croácia é rigoroso. Durante esta estação, as paisagens brancas são predominantes, nomeadamente nos parques onde, depois da queda de neve, o brilho da mesma faz sobressair as cores amarelas e avermelhadas de alguns palácios, igrejas e outros edifícios.

A Croácia tem várias opiniões para aproveitar o clima frio e para quem gosta de estar em contato com a natureza de paisagens brancas deslumbrantes, tomar banhos em águas termais e fazer ski, prática que chama os amantes de esportes de inverno ao país. 

Ski em Zagreb

A capital da Croácia, Zagreb, é ponto de encontro dos aficionados  por ski, uma vez que conta com uma estância muito perto da cidade, no monte Medvednica, conhecida como Sljeme. É lá que, em janeiro, no fim de semana de Reis, se realizam duas competições da Copa Mundial de Ski Alpino FIS: o troféu feminino Vip Snow Queen Trophy e o Slalom masculino noturno.

Ski e natureza nas montanhas de Lika, Karlovac

Junto aos lagos de Plitvice, a região montanhosa de Lika oferece outros pontos de atração para os apreciadores das paisagens com neve. Um deles é Mrkopalj, em Gorski Kotar, considerado o berço do ski na Croácia. O melhor é que a apenas alguns quilômetros de lá fica a conhecida estância de Begovo Razdolje e o Centro Olímpico de Bjelolasica, onde também se pratica a modalidade.  

Não muito longe também se encontram as montanhas Bijele e Samarske Stijene, um espaço natural protegido onde se pode fazer caminhadas e montanhismo.

Águas termais na Croácia

O frio dá vontade de desfrutar de fontes de águas termais, que aquecem e relaxam. Há vários spas (“toplice”, em croata) com termas. Confira uma lista de lugares onde é possível desfrutar de águas termais:

- Spa médico e termas Aquae Lazae na pequena cidade de Varazdinske, onde se instalaram as primeiras termas do país durante os tempos romanos 

- Spa médico e termas Daruvar Toplice, na cidade de Daruvar (condado de Bjelovar-Bilegora)
- Spa e termas Istarske Toplice, em Istria
- Termas e spa Bizovacke Toplice, no condado de Osijek
- Termas e spa Tuhelj, a 40 quilômetros de Zagreb
- Temas de Stubicke Toplice, no condado de Krapina-Zagorje
- Termas, spa e resort Sveti Martin, no condado de Sveti Martin na Muri (Medimurska, em croata)
- Termas Bolnica Lipik, na cidade de Lipik (condado de Pozesko-Slavonska)
- Termas Top Terme Topusko, no condado de Sisak-Moslavina


Fotos: Zagreb (primeira imagem), Velebit (segunda foto, à direita), Ilha Mljet (terceira imagem, à esquerda), Zagreb (quarta foto, à direita), Mrkopalj (quinta imagem, à esquerda) e Daruvar Toplice (última foto).
 


CONTEÚDO VIA site parceiro Viaje Comigo, com edições. Confie no que lê na revista digital Mulher Viajante.

Comentar

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Filtered HTML

  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <p> <iframe>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Gmap

  • Insert Google Map macro.